Correções e Acréscimos para a Norma 568-A
Adendo nº 2


Proposta
Este adendo é publicado para modificar certas exigências da Norma ANSI/TIA/EIA-568A e para providenciar novas exigências para itens onde novas publicações técnicas surgiram devido à evolução da tecnologia.

1. Topologia Estrela
  
O cabeamento óptico centralizado é projetado como uma alternativa à conexão cruzada localizada no armário de telecomunicações, quando utilizando um cabo óptico de 62.5/125µm na horizontal em suporte a equipamentos eletrônicos centralizados. Usuários que desejam desdobrar um sistema de cabeamento centralizado devem consultar a Norma TIA/EIA TSB-72   em Diretrizes de Cabeamento Óptico Centralizado.

2. Conexões Cruzadas e Interconexões
  
O cabeamento óptico centralizado é projetado como uma alternativa à conexão cruzada localizada no armário de telecomunicações, quando utilizando um cabo óptico de 62.5/125µm na horizontal em suporte a equipamentos eletrônicos centralizados. Usuários que desejam desdobrar um sistema de cabeamento centralizado devem consultar a Norma TIA/EIA TSB-72  em Diretrizes de Cabeamento Óptico Centralizado.

3. Projeto da Conexão Cruzada
   
Acrescentar:

    O hardware de conexão usado por cabeamento UTP de 100W não pode conter pares transpostos (por exemplo, transposição dos pares 2 e 3) ou pares reversos (também chamado ponta/anel reversos).
    Observação: Enquanto algumas aplicações de rede exigem a pares transmissores e receptores sejam trocados, deve ser notado que tais adpatações de aplicações específicas são realizadas usando adaptadores, cords da área de trabalho o cords de equipamento que estão além do alcance da norma.

4. Testes de Campo
   
Acrescentar:
   
Teste de campo de rotas de cabeamento UTP em freqüências de até 100 MHz é abordado na norma TIA/EIA TSB-67. Parâmetros adicionais de transmissão estão em estudos.